Percepção da migração paulistana, com o olhar de Bruno Covas

Homenagem ao prefeito Bruno Covas Lopes, autoridade que sempre prestou atenção aos microfones de imigrantes durante sua primeira gestão na cidade de São Paulo.

Publicado em

Bruno Covas, prefeito de São Paulo, morre aos 41 anos, vítima de cânce.

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), morreu às 8h20 deste domingo (16) aos 41 anos, em São Paulo, informou a prefeitura, em nota. Desde 2019, ele lutava contra um câncer no sistema digestivo com metástase nos ossos e no fígado. Deixa o filho Tomás, de 15 anos.

Imigrantes homenageiam o PREFEITO MORENO

As homenagens dos imigrantes foram disseminadas amplamente nas redes sociais desde São Paulo para o resto do mundo.

O carisma de Bruno Covas não só destacou no ambiente político, transbordando no ambiente social e cultural dos imigrantes, o carinho e carisma de Bruno já deixa saudades entre centenas de nacionalidades na cidade de São Paulo.

Algumas das fraces do prefeito Bruno Covas quando referido aos imigrantes

“...atender bem ao imigrante e um respeito a própria história da cidade de São Paulo que tem a sua força por conta de inúmeros migrantes e imigrantes, do mundo todo e do Brasil todo que escolheram a cidade… não tem o menos sentido que a gente deixar de tratados bem, e ofertar para eles os mesmos serviços que o paulistano e a paulistana tem”
Prefeito Bruno Covas – 10/10/2019.

"...nos orgulha ter a quantidade enorme de imigrantes e migrantes que escolheram a cidade de São Paulo... para empreender, para trabalhar, para criar os seus filhos para cultivar a sua cultura..."
Prefeito Bruno Covas – 04/104/2019.

Um olhar da imigração paulistana, com os olhos de Bruno Covas

CAMI - Live América Indígena: Identidades e Resistências

Publicidade

Deixe um comentário