Vídeo produzido no Brasil por artistas imigrantes participa no Festival Internacional - FIDS 2022

Produzido em São Paulo por artistas imigrantes bolivianos, o vídeo "EKEKO DEUS DA ABUNDÂNCIA" concorre no ambiente - Artista (mostra de solo performance) no FIDS – Festival Internacional Denise Stoklos 2022.

Publicado em

Com curadoria e participação da celebrada artista Denise Stoklos, a segunda edição do FIDS acontece totalmente online com atividades gratuitas durante as manhãs, tardes e noites trazendo uma programação variada de Espetáculos, Mostra de Solos Performances, Palco Aberto, Cine-Teatro, Palestras, Oficinas e Masterclass. Performers e convidados nacionais e internacionais participam do evento, entre eles Nadja Marcin (EUA-DE), Anna Deveare Smith (EUA), Carolina Virguez (CO), Vivi Tellas (AR), e Elias Andreato e Luiz Rufino.

Vídeo produzido no Brasil por artistas imigrantes participa no Festival Internacional - FIDS 2022

ACOMPANHE - fids festival - AQUI


O FIDS – Festival Internacional Denise Stoklos de Solo Performance 2022 se diferencia pela singularidade em privilegiar trabalhos de solo performance e com viés de experimentação e contemporaneidade. A programação do 2º FIDS, inteiramente gratuita e online, acontece de 2 a 8 de maio (de segunda a domingo) e traz diariamente, durante os sete dias de evento:, espetáculos, Mostra de Solos Performances, Palco Aberto, Cine-Teatro, palestras, oficinas, masterclass e mais. O festival foi elaborado com base nos princípios do Teatro Essencial, criado pela dramaturga e atriz, que leva ao evento seu olhar pela curadoria, além do desejo pessoal de ampliar os espaços para o teatro solo.

Toda a programação será exibida pela plataforma Zoom, sendo que para, cada atração ou atividade, há limite de público de 100 espectadores. Já as oficinas oferecem de 15 a 20 vagas para os participantes. Além das apresentações cênicas, o FIDS busca compartilhar pesquisas artísticas, oferecer ações formativas e proporcionar reflexões e trocas de experiências estéticas, políticas, poéticas e éticas. 

A 2ª edição do Festival Internacional Denise Stoklos de Solo Performance é realizado pela Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal, com patrocínio do Itaú, Moageira Irati, Nutry e Dourada – Corretora de Câmbio, por intermédio da Lei de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet). O #FIDS2022 tem direção artística de Davi Giordano e produção geral de Maury Cattermol da Ritmiza Produções.

Vídeo produzido no Brasil por artistas imigrantes participa no Festival Internacional - FIDS 2022

A SÉRIE "DEUSES & MITOS DA AMÉRICA LATINA"

O Bolívia Cultural - lançou em 2019 sua edição brasileira com o Deus "EKEKO" deidade da abundância (mitologia andina boliviana pré-colombiana). O "EKEKO" faz parte da cultura "aymara" andina boliviana que migrou para Argentina, Peru, Chile, Equador... sendo hoje reconhecidamente aceita no Brasil, Estados Unidos, Espanha entre outros paises. A globalização do EKEKO deve-se a migração histórica boliviana, fator que amplia o espetro da cultura boliviana com todas suas caraterísticas, seja na gastronomia, no folclore e na religiosidade pelo mundo afora.

CASTING:

Ekeko
Juan Cusicanki (boliviano)
Artista performático.

• Criação & direção
Antonio Andrade Vargas (boliviano)
(Bolívia Cultural & Planeta América Latina).

• Câmeras
Dionicio Espinoza Mamani (boliviano)
Ocasión - Huellas

• Iluminação
Maria Miranda Caguana (boliviana)
HairDesign.

• Pesquisa
Marisol Diaz Vedia (boliviana)
Artista plástica - Escritora e Cantora.

• Locução
Martin Caballero (boliviano)
Comunciador - amauta.

• Maquiagem
Alohá De La Queiroz (brasileira)
Artista performática.

• Música
Mi Raza - Grupo Aymara
(Álbum Folklore del Altiplano).

O vídeo faz parte da série Deuses e mitos da América Latina, criada por Bolívia Cultural & Planeta América Latina em 2019.

VEJA TAMBÉM
Consulado boliviano atende neste sábado 12 de março de 2022
Mulher policial (GCM) pede para as imigrantes denunciar a violência contra elas
Consulado boliviano atende neste sábado 12 de março de 2022

Publicidade

Deixe um comentário