Ensaio fotográfico reafirma identidade de criança descendente de pai boliviano e mãe brasileira

O ensaio fotográfico produzido pela mãe Leonor Hills de profissão fotografa, trouxe uma história maravilhosa de como podemos valorizar a identidade e conflitos que podem ter algumas crianças brasileiras descendentes de pais imigrantes

Publicado em
Ensaio fotográfico reafirma identidade de criança descendente de pai boliviano e mãe brasileira

Veja o texto que a fotografa Leonor Hills escreveu na sua página pessoal.

" Quando criança eu ouvi que eu não fazia parte da "família" porque não era loira nem tinha olhos azuis. Fui chamada de indiazinha e diziam para eu tomar banho para limpar minha pele encardida. Palavras duras, né?

Anos depois, quando minha filha, mestiça da etnia Aymara da Bolívia, disse que queria ter cabelos loiros e olhos azuis entrei em choque. Prometi que nenhum dos meus filhos cresceria tendo vergonha do que são.

Como sempre, minha arma de luta é a minha câmera que dispara tiros de auto descoberta e autoconfiança.
Fiz esse ensaio para ele ver que ser indiazinha é lindo sim.

Ensaio fotográfico reafirma identidade de criança descendente de pai boliviano e mãe brasileira

( Obs. Fiz uma pintura aleatória, depois vim a saber que cada pintura tem um significado e varia para cada etnia. A intenção era só que minha filha se sentisse feliz e orgulhosa do que é.

Atualizando: hoje perguntei para minha filha se ela queria ser loira e ter olhos azuis, ela me olhou com uma cara tipo " ficou doida?" E respondeu: NÃO!!

Acho que esta valendo a pena essa luta!".

Ensaio fotográfico reafirma identidade de criança descendente de pai boliviano e mãe brasileira

Leonor Hills, postou o estudo fotográfico na sua página pessoal do facebook no domingho (5) de setembro de 2021.

Ensaio fotográfico reafirma identidade de criança descendente de pai boliviano e mãe brasileira

VEJA TAMBÉM
Ensaio fotográfico reafirma identidade de criança descendente de pai boliviano e mãe brasileira
Ensaio fotográfico reafirma identidade de criança descendente de pai boliviano e mãe brasileira

CAMI - Live América Indígena: Identidades e Resistências

Publicidade

Deixe um comentário