Após quatro meses de espera crianças vítimas de incêndio são sepultadas em São Paulo

O sofrimento das famílias das pequenas vítimas chegou ao fim quando a documentação do IML foi liberada após quatro meses de exames e burocracia que o caso merece já que a morte das pequenas vítimas foi em situação que define um processo extraordinário na liberação dos corpos. O enterro aconteceu na tarde da quinta-feira (28) de outubro de 2021.

Publicado em

A tragedia quando noticiada abalou aos paulistanos e mais ainda a comunidade de imigrantes bolivianos, criando uma rede de orações e bem feitores que prontamente acudiram as famílias das jovens vítimas. O Incêndio aconteceu no dia 2 de julho, na Zona Norte de São Paulo

As pequenas vítimas

Juan Apaza Capcha
5 anos de idade (brasileiro).

Estile Apaza Capcha
3 anos de idade (brasileiro)

Juan Nahuel Apaza Limachi
3 anos de idade (argentino).

VELÓRIO DE CORPO PRESENTE

Após quatro meses de espera crianças vítimas de incêndio são sepultadas em São Paulo 
O velório aconteceu na manhã da quinta-feira 28/10/21 no "Local Poma"no bairro do Parí em São Paulo.

 

SEPULTAMENTO

O enterro aconteceu na tarde da quinta-feira 28 de outubro de 2021 no Cemitério do Araçá na Av. Dr. Arnaldo no bairro Cerqueira César, em São Paulo – SP.

Após quatro meses de espera crianças vítimas de incêndio são sepultadas em São Paulo 
Imigrantes bolivianos acompanharam a cerimonia de sepultamento no Cemitério do Araçá.

SOLIDARIEDADE 

O jazigo do cemitério foi doado por um empresário brasileiro que comovido com a tragedia da família boliviana, realizou a doação dos túmulos das pequenas vítimas, (a pedido do empresário seu nome não será mencionado).  

CEMITÉRIO DO ARAÇÁ  
Necrópole da cidade de São Paulo, localizado na Avenida Doutor Arnaldo. Fundado em 4 de junho de 1887, sendo um dos mais antigos da capital paulista. 

Publicidade

Exposição fotográfica retrata a religiosidade e folclore boliviano na Terra da Garoa

Publicidade

Deixe um comentário